Temos 115 visitantes e sem membros em linha

Alto Santo António

 

O famoso Templo das Colunas - uma das mais fotografadas e visitadas edificações do Parque da Pena - ergue-se numa das elevações que se dispõem na vertente sul/sudoeste do Palácio, não muito longe da mesa octogonal na base do Penedo do Guerreiro, situado na Tapada do Ferreira.

Em torno do pequeno monte existe uma estrada, que pelo lado sul se dirige ao Templo. O edifício ergue-se num pequeno terreiro antes despido mas hoje rodeado de grandes árvores.

 

O Templo das Colunas é um edifício de formato cilíndrico "coberto por cúpula dupla", com 12 lados (dodecágono), e encimada por um crescente fechado sobre o eixo central . Esta cúpula dupla, formando uma zona oca entre cúpulas, empresta ao edifício especiais feitos acústicos.

O seu nome deve-se a uma capela circular que aí existia dedicada a Santo António, pertencente ao antigo mosteiro Jerónimo. No local foi construído, segundo um projecto do pai de D. Fernando II, o Templo das Colunas, miradouro, hoje envolvido pela densa vegetação do parque e de onde se podia desfrutar uma das mais belas vistas sobre o Palácio.

Alto de Santo António na Pena

Em torno do corpo central dispõem-se doze altas colunas que apresentam "dois tipos de capitel, de estilo compósito". E entre as paredes e as colunas existe um "alpendre" elevado relativamente ao terreiro, que circunda toda a construção. Neste alpendre existe um banco circular (bancada), que dá a volta completa ao corpo central, sendo apenas interrompido pela porta, aberta a sul.

 

A porta é muito bonita, arredondada, e apresenta motivos vegetalistas na ombreira de pedra. Destacam-se as Romãs (fruto de riquíssimo simbolismo) e, como motivo central, uma cabeça de "Homem-Verde", que de olhos bem abertos fita todo aquele que se aproxima do portal .

Na direcção do Palácio foi aberta uma bonita janela, também ela contendo bonitos motivos vegetalistas .

 

No interior do Templo existem quatro nichos embutidos nas paredes - dois do lado esquerdo do eixo portal/janela e dois do lado direito. Todos eles incluem uma pequena bancada, baixa, que permite ser utilizada como banco .

 

No centro da cúpula interior - de cor branca - está pintada uma Cruz da Ordem de Cristo, sobre uma medalha de pedra.

Acrescente-se que na Monografia do Parque da Pena, de Mário de Azevedo Gomes, o Templo das Colunas é também designado por Quiosque, nome pelo qual sempre o ouvi designar.

 

O templo esteve durante larguíssimo anos abandonado, e todo o edifício foi violentamente vandalizado. Todavia, a sociedade PSML procedeu recentemente a trabalhos de recuperação do Templo, que hoje recuperou a dignidade perdida. É certo que se encontra fechado ao público, e que foram colocadas grades na janela que se abre ao Palácio, mas por vezes essa é a única alternativa perante a irresponsabilidade e falta de civismo de alguns visitantes menos conscienciosos.

Alto de Santo António na Pena